domingo, 29 de novembro de 2015

IM Pernambucano Yago Santiago Conquista Sua Segunda Norma de GM



Após uma semana jogando o 1º Aberto Internacional da Patagônia, na Argentina, o Mestre Internacional Yago Santiago obteve um resultado expressivo na classificação final do torneio, e além de subir ao pódio da competição, ainda conquistou sua segunda norma de GM.

Tendo início no dia 21 de novembro de 2015, na cidade argentina de Neuquen, o 1° Aberto Internacional da Patagônia reuniu mais de 130 jogadores, em sua maioria dos países andinos e platinos, sendo o MI pernambucano Yago Santiago o único representante brasileiro na disputa.

Como pré-ranqueado número 13 na disputa, Yago começou sua jornada enfrentando 5 argentinos nas 5 primeiras rodadas, fazendo um placar de 4.5 a 0.5 (Ouçamos do outro lado da rua os gritos de “Fora Dunga! Queremos Yago!”), com destaque especial para a vitória, na quarta rodada, para o GM Diego Flores, chegando com 100% de aproveitamento na quinta rodada, quando empatou com o também IM Kevin Paveto. Entretanto, como nem tudo são “Flores” (perdão pelo trocadilho), passada mais da metade do torneio, o recifense ocupava a quarta posição do torneio, e entrara na reta decisiva da competição.

Contudo, como madeira de lei que cupim não rói, “El asesino de GMs”, encontrou pela sua frente o GM Andres Rodriguez Vila, do Uruguai, e com mais essa vitória, Yago subiu para a segunda posição da tabela, atrás apenas do GM peruano Júlio Granda, que contava 6.0 pontos, contra os 5.5 de Yago. No inevitável cruzamento entre os líderes da competição, Granda Zúniga e Yago acordaram empate, após a abertura 1.g3?! do peruano quedar num final de damas e bispos de cores opostas com número igual de peões nas duas alas.

Já na oitava rodada (a essa altura Yago havia sido o único jogador do torneio a tirar um empate do Granda líder), mais um empate, dessa vez com o pré-ranqueado número dois da competição, o GM paraguaio Axel Bachmann. Na última rodada, já tendo enfrentado os principais concorrentes ao pódio, o nosso mangueboy conseguiu mais um ponto, dessa vez frente ao GM espanhol Viktor Moskalenko, terminando sua participação no torneio na terceira posição, com os mesmos 7.5 pontos dos dois primeiros colocados, os GMs Axel Bachmann e Júlio Granda, mas ficando atrás devido os critérios de desempate.

Yago ainda terminou a competição com performance de 2523 e garantiu a segunda norma de GM de sua carreira, restando agora apenas mais uma para receber título máximo do xadrez mundial, o título de Grande Mestre Enxadrista (GM). Aliado ao pódio e à norma, Yago ainda conquistou preciosos 27,7 pontos de rating, que somados aos seus 2414, devem fazer-lhe chegar ao ELO de 2442 na próxima lista, um importante passo para quebrar a barreira dos 2500 pontos, pontuação de parâmetro da Federação Internacional de Xadrez para a concessão do título de GM.

Confira o resultado final do torneio: AQUI




Campeonato Pernambucano - Classificatorio II

A FINAL SERÁ:
10/12 - 1º RODADA - 19HS
11/12 - 2º RODADA - 19HS
12/12 - 3º RODADA - 09HS
12/12 - 4º RODADA - 14HS
13/12 - 5º RODADA - 09HS
13/12 - 6º RODADA - 14HS
18/12 - 7º RODADA - 19HS
19/12 - 8º RODADA - 09HS
19/12 - 9º RODADA - 14HS

JÁ ESTÃO CLASSIFICADOS PARA FINAL:
RAFAEL CABRAL
TOME BRASIL
BENONE LOPES Jr.
SÉRGIO MURILO
DALSON HOLANDA









II Festival Mauricio Horta - 24 de Janeiro de 2016


sexta-feira, 20 de novembro de 2015

Vimos convidá-los a participar do Campeonato Pernambucano Clássico Sênior/Veterano (+50) e o Feminino 2015!!


Quer uma oportunidade pra fazer história? Que tal ser Campeão Pernambucano de Xadrez?

Vem aí os Campeonatos Estaduais de Xadrez Clássico das Categorias Veterano e Feminino! 

Não se esqueça também que a segunda e última semifinal do Campeonato Absoluto está chegando!


Não se esqueça também que a segunda e última semifinal do Campeonato Absoluto está chegando!

quarta-feira, 18 de novembro de 2015

Equipe de Xadrez do IFPE É Campeã Nacional do JIF



O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco é um tradicional celeiro de enxadristas no estado, tendo passado por suas salas alguns dos atletas de maior expressão no atual cenário do Xadrez pernambucano, como os irmãos Yoshio e Hiroshi Hiramine, Arthur Moura, Avner Augusto, Douglas Costa e Douglas Barbosa. Entretanto, pela primeira vez na história, o IFPE chegou ao topo da modalidade nos Jogos dos Institutos Federais.

Realizado entre 11 e 15 de novembro em Goiânia, os Jogos dos Institutos Federais – Etapa Nacional – reuniu as melhores equipes de cada região do país, em diversas modalidades. No xadrez masculino, os representantes foram os pernambucanos, que após conquistarem a Etapa Nordeste da competição (Enxadristas do IFPE Vencem a Etapa Nordeste do JIF 2015), ganharam também a oportunidade de representar a região na competição nacional, juntamente com a equipe feminina do Rio Grande do Norte.

O torneio, realizado em sistema Grand Prix, foi formado por dois torneios independentes: na primeira parte, em sistema Schuring de emparceiramento, as equipes representantes de cada região se enfrentaram e, conforme a classificação final, as equipes receberiam uma dada pontuação, de acordo com sua posição na tabela (1°. 30 pontos; 2°. 25 pontos; 3°. 20 pontos; 4°. 15 pontos, 5°. 10 pontos); já na segunda parte da competição, foi realizado um torneio individual, de maneira que os 10 primeiros colocados também receberiam uma pontuação de acordo com sua posição na tabela final (1°. 15 pontos; 2°. 12 pontos; 3°. 10 pontos; 4°. 8 pontos;… 10°. 1 ponto), e a equipe campeã seria aquela que obtivera o maior somatório de pontos nas duas competições.

Liderados pelo psicólogo da Instituição, Kênio de Salles Menezes, os atletas Lucas Geraldo Cilento, José Ricardo G. de Santana, Gabriel Victor da Silva Araújo e Jair Arruda (de Recife) e Leonardo Lohan Medeiros (de Afogados da Ingazeira), começaram o torneio por equipes com duas vitórias significativas: Pernambuco 4 x 1 Santa Catarina (campeões da Etapa Sul) e Pernambuco 4,5 x 0,5 São Paulo (Campeões da Etapa Sudeste). No segundo dia de competição, mais duas vitórias, dessa vez contra os representantes do Centro-oeste e do Norte: Pernambuco 5 x 0 Brasília e Pernambuco 3,5 x 1,5 Rondônia, vitórias que deram a equipe nordestina a liderança isolada da competição, seguido por Santana Catarina, Rondônia, São Paulo e Brasília.

O campeonato, entretanto, ainda não havia sido decidido, faltando o torneio individual, que poderia mudar os rumos da conquista. Em sistema suíço de emparceiramento, os pernambucanos não deram chances e conquistaram os 5 primeiros lugares: 1°Lucas Geraldo Cilento; 2° Gabriel Victor de Araújo; 3° José Ricardo G. de Santana; 4° Jair Arruda e 5° Leonardo Lohan de Medeiros.





No somatório geral da competição, a equipe fez, pela primeira vez na história da competição, a máxima pontuação, não podendo jamais ser ultrapassada. Dessa forma, além do título de campeã por equipes, os atletas truxeram para Pernambuco as 3 medalhas do torneio individual por equipes e o troféu de campeão geral do Xadrez Masculino do JIF 2015. 

domingo, 15 de novembro de 2015

WMF Ramyres Coelho orgulho de Pernambuco


Ramyres Coelho mais uma vez eleva o nome de Pernambuco ao topo do pódio, a multi-campeã sagra-se pela 4º vez Campeã Brasileira Escolar.

Ramyres Pernambuco lhe agradece.

Parabéns!!!


domingo, 8 de novembro de 2015

Enxadristas do IFPE Vencem a Etapa Nordeste do JIF 2015


A equipe masculina do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco, um dos maiores celeiros de enxadristas do estado, venceu no final do mês de outubro, os Jogos dos Institutos Federais, realizado de 27 a 29, na cidade de Natal, no Rio Grande do Norte.

A equipe, formada por 5 atletas da Instituição (Gabriel Victor de Araújo, Lucas Geraldo Cilento,  Jair Arruda e Ricardo Santana, do Campus Recife, e Leonardo Medeiros, do Campus Afogados da Ingazeira, todos dirigidos pelo psicólogo do IFPE, Kênio Menezes) todos com até 19 anos, superaram os atuais campeões nacionais (a equipe potiguar),  e sagrou-se pela primeira vez na história do estado, campeões dos JIFs na categoria masculina.

A competição, que na categoria masculina reuniu 6 equipes (além de Pernambuco e Rio Grande do Norte, também competiram as equipes dos IFs do Ceará, Piauí, Maranhão e Paraíba), foi realizado em sistema Grand Prix, com um torneio por equipes e um torneio individual, onde o maior somatório de pontos nos torneios independentes, renderia o título para uma das equipes.

Nas primeiras rodadas, três equipes tomaram distância: Rio Grande do Norte, atuais campeões regionais e nacionais, seguido por Pernambuco e Paraíba. Entretanto, no último dia de competições por equipes, o time da Paraíba acabou por sofrer duras derrotas para as equipes do Rio Grande do Norte e de Pernambuco, ficando mais distante da  disputa pelo título. Na última e decisiva rodada, o embate mais esperado, e que colocaria à frente uma das equipes: Pernambuco x Rio Grande do Norte. 

E a importância do duelo se refletiu nos tabuleiros, com partidas emocionantes e decididas nos últimos e derradeiros segundos, o placar terminou em 2,5 a 2,5, empatando além do match, a pontuação das duas equipes no torneio, cada uma com 4 vitórias e 1 empate.

O critério de desempate, como predizia o regulamente da competição, era o somatório de pontos feitos pelas equipes durante o torneio, e por 0,5 ponto, a equipe pernambucana levou o título da competição por times, abrindo 5 pontos de vantagem sobre a equipe potiguar e 10 pontos em relação a equipe paraibana, que fechou na terceira posição.

A competição, entretanto, ainda não estava resolvida. O peso do torneio individual era grande e poderia mudar os rumos da disputa. Entretanto, os atletas pernambucanos não se deixaram enganar pela vantagem e dominaram as primeiras mesas, colocando 4 de seus atletas na zona de classificação, que ia até o 10° colocado, tendo o pódio formado por Luiz Antônio da Silva Tomaz, da Paraíba, Gabriel Victor de Araújo e Leonardo Medeiros, ambos da equipe Pernambucana.


E após a disputa individual, a equipe pernambucana abriu ainda mais vantagem em relação a sua principal concorrente e sagrou-se pela primeira vez campeã dos Jogos dos Institutos Federais na modalidade xadrez, ganhando também a vaga para representar a região Nordeste na Etapa Nacional da competição, que começa já no dia 11 de Novembro, em Goiânia.  





Nas redes sociais, a Federação Potiguar de Xadrez declarou: 

Parabéns à equipe da IFPE, que foi o destaque da modalidade de Xadrez dos JIFs Nordeste, uma vez que venceu a Bicampeã Nacional IFRN e classificou para representar a Região na Etapa Nacional. Parabéns ao Profº Kênio pela dedicação ao treinar e incentivar seus alunos, foi batalhador e perseverante em seu objetivo de conquistar a vaga, levando seus alunos para jogar torneios sérios visando o melhoramento técnico dos mesmos. Trouxe sua delegação para todos os IRTs clássicos realizados pela Federação Norteriograndense de Xadrez e Academia Potiguar de Xadrez. Parabéns ainda para o dinâmico Hiramine Yoshio, que além de estudante foi também um importante assistente do Profº Kênio.

terça-feira, 3 de novembro de 2015

Pernambuco mais uma vez na Final do Brasileiro


O campeão Pernambucano, MN Rafael Cabral, é o mais novo estreante em final de Brasileiro.

Rafael representará Pernambuco na final do Brasileiro 2015.

Parabéns Rafael!!!

MN Rafael Cabral foi vice-campeão da Semi-final 2 do Campeonato brasileiro.



Confira o link das duas Semifinais no Chess-results:


Semi-final (2): http://www.chess-results.com/tnr191959.aspx?lan=10&art=1&rd=7&turdet=YES&flag=30&wi=984&group=CE